Porto urbano e impactos no território da Grande Vitória (ES)

Palavras-chave: Portos, Globalização, Grande Vitória

Resumo

As mudanças nas estruturas e operações portuárias invariavelmente interferem na relação cidade-porto. No contexto globalizado atual, demandas tecnológicas se tornam imperativas, intensificando o papel dos territórios como atrativos ao capital global e modificando a relação porto-cidade. Gera-se com isso o fortalecimento da tendência de portos nas cercanias das urbes. Em Vitória, capital do Espírito Santo, a trajetória de seus portos se alinha com a trajetória de sua ocupação urbana, sendo esses elementos de balizamento na vida socioeconômica, político cultural e urbano ambiental local. Vitória passa cidade-cais à grandes complexos portuários, do porto fundacional aos portos secos interiorizados, constituindo no século XXI um sistema infra estrutural articulado em redes de transporte e logísticaenso alcance global. Os sítios portuários são implantados – em sua maioria – por meio de processos de canceladura das cidades. Políticas públicas relativas às dinâmicas portuária e urbana no Brasil permitem elucidar parte da problemática acerca da cidade portuária e os impactos no território, a exemplo do abordado neste artigo, mediante apontamentos sobre o sistema portuário na Grande Vitória (ES).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Henrique Alexandre Silvestre, Universidade Federal do Espirito Santo

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) 2016, e mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Espirito Santo (UFES), 2019

Martha Machado Campos, Universidade Federal do Espírito Santo

Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal do Espírito Santo (1988), mestrado (1994) e doutorado (2004) em Comunicação e Semiótica pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo e pós-doutorado pelo Programa de Pós- Graduação em Urbanismo da Universidade Federal do Rio de Janeiro (2017).

Publicado
2020-08-03
Como Citar
Silvestre, H. A. ., & Machado Campos, M. . (2020). Porto urbano e impactos no território da Grande Vitória (ES). arq.Urb, (28), 138-154. https://doi.org/10.37916/arq.urb.v28i.415
Seção
Artigos